Os melhores figurinos do Baile da Vogue 2018.

by

Bonjour chiques,

Tudo bem?

Ontem a noite rolou em São Paulo no Hotel Unique, mais um tradicional baile de carnaval da VOGUE.

O tema dessa ano foi ”Divino maravilhoso”, remetendo a cultura diversificação da cultura brasileira de nossas diferentes regiões.

Eu, particularmente, amei esse tema, não sei se todos por aqui já leram essa minha história, mas por muitos anos eu dancei folclore, representando a cultura popular do país, em especial da região norte.

Nós dançarinos e mestres folclóricos somos ”Abaeteuaras” que significa protetores dessa terra. Nossa missão é levar a cultura e mantê-la viva em nosso país.

Eu sempre amei figurinos então esse é o tema que eu mais gosto de abordar e de trabalhar também.

No instagram foi possível acompanhar a preparação e o look de diversos convidados especiais, e claro que fiquei ligadinha em tudo para contar por aqui.

Vamos ver aqueles que mais ”deram o que falar” no baile.

Com a peça, produzida pela Colcci, Marina Ruy Barbosa rainha do baile junto a Juliana Paes, escreveu que irá “celebrar a brasilidade” no baile.

O figurino estava maravilhoso, sexy sem vulgaridade, realçou a beleza da ruivinha e olhos claros que também está usando figurinos incríveis na novela ”Deus Salve o Rei”.

Bruna Marquezine e outras famosas apostaram na transparência.

Muitas penas e plumas aparecem nos trajes.

É bacana observar que na maioria as penas estão para o alto, isso porque o cocar do índio brasileiro utiliza as penas de pássaros sempre para o alto, diferente do índio americano que usa cocares mais longos para baixo como vemos no filme ”Pocahontas”.

Pabllo Vittar aproveitou o convite para causar logo né?! mas não curti o look do cantor.

Esse segundo – look do show – já me agradou mais, não encontrei a explicação mas me remete ao fogo presente em algumas lendas do folclore brasileiro.

Rainha do Baile da Vogue em 2018 ao lado de Marina Ruy Barbosa, Juliana Paes escolheu um look que representassem bem a brasilidade, tema do evento, nomeado como “Divino Maravilhoso”.

Os looks estavam bem bacanas, sou suspeita né?! sabemos que eu amo figurinos mais do que qualquer roupa rsrs..

Representações do cangaço, religiosidades, e ícones da cultura folclórica e regional estiveram muito presente nos trajes.

Sabrina Satto é aquela que gosta de arrasar com figurinos de verdade ao invés de looks de baile apenas com acessórios de carnaval, esse ano ela escolheu representar uma miss amazonas. Mas o segundo cocar azul não faz muito parte da características dos nossos índios. No geral ficou linda como sempre.

A representação de cangaceiro de Thássia Naves ficou incrívelmente chique e linda.

Ticiane Pinheiro criou uma fantasia muito original de brigadeiro, um dos doces de origem brasileira e muito consumido e amado por aqui.

brigadeiro surgiu na década de 1940 em uma campanha com o intuito de promover a eleição do Brigadeiro Eduardo Gomes à presidência da República pelos moradores do Pacaembu em São Paulo. O doce foi ganhando destaque e logo começou a ser vendido para arrecadar fundos a campanha.

E vocês, o que acharam dos looks desse ano?

Não se esqueçam que quando precisarem de consultoria podem enviar um email para contato@leandalivia.com ou solicitar participar do grupo de transmissão pelo whatsapp.

Um beijo e até a próxima.

No tags
2 Responses

Aproveite a visita e deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *